Como cultivar sua própria pipoca

Milho de pipoca é uma variedade especial

Cultivar sua própria pipoca é tão divertido quanto comê-las. Basta seguir nossas dicas.

Plantio e colheita

– Plante sementes de milho de pipoca em quatro ou cinco linhas curtas com uma distância de cerca de 60 centímetros  de distância para garantir a polinização. Plante as sementes a uma profundidade de 2 centímetros e a 12 centímetros de distância.

– Quando as plantas estiverem com 10 centímetros de altura, retire o excesso de plantas para que cada pé de milho fique com uma distância de 24 centímetros um do outro.

– Fertilize levemente no verão, para dar-lhes impulso para o crescimento.

– Quando os caules tiverem com 12 centímetros de altura retire o excesso de folhas do caule. Acrescente nutrientes para o crescimento das plantas.

– Deixe que as folhas que cobrem o milho fiquem marrom antes da colheita. Você pode pressionar o grão do milho e verá que ele ainda não está maduro.

– Colha todo o milho antes do inverno forte e deixe as espigas secarem por algumas semanas, então retire o milho das espigas e armazene em um recipiente hermeticamente fechado e coloque na geladeira.

Agora é só estourar seu milho de pipoca e assistir ao seu filme favorito com sua família e amigos!

A Ciência da Pipoca

O que faz com que esses minúsculos grãos de pipoca expandam em 30 ou 40 vezes o seu tamanho original?

– O milho de pipoca tem uma casca dura exterior que envolve uma grande quantidade de amido com um centro úmido.
– Quando o milho é aquecido, a umidade se transforma em vapor, que cozinha o amido, fazendo com que ele expanda e quebre a casca exterior.

cultivar pipoca 1

cultivar pipoca 2

cultivar pipoca 3

cultivar pipoca 4





Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *