Como fazer adubo

Adubo ou ouro negro

Aprenda a fazer seu próprio adubo, bem como dicas para desfrutar dos benefícios do “ouro negro” em seu jardim, como um ingrediente para manter as plantas exuberantes durante todo ano.

É fácil de preparar o seu próprio adubo. Apenas coloque camadas de materiais orgânicos – folhas secas, restos de vegetais, papel picado – e uma pitada de solo para criar uma mistura que se transforma em húmus, o melhor enriquecedor de solo existente.

Antes de começar a empilhar, entenda que existem dois tipos de compostagem: quentes e frias. Na compostagem fria você pode coletar resíduos do jardim ou materiais orgânicos do seu lixo (como cascas de frutas e legumes, borra de café e filtros, e cascas de ovos) e , em seguida, colocá-las dentro de uma grande recipiente plástico ou em uma caixa de madeira para decomposição.

Para a compostagem quente é preciso um tempo de espera entre um a três meses, durante o tempo quente. Quatro ingredientes são necessários para o para a compostagem quente: nitrogênio, carbono, ar e água. Juntos, esses itens alimentam microorganismos, que aceleram o processo de decomposição.

Para criar sua própria pilha de compostagem quente, espere até que você tenha material suficiente para fazer uma pilha de pelo menos 6 metros de altura. Então, crie camadas de 16 centímetros de altura alternando materiais materiais verdes ( restos de vegetais, folhas frescas, borra de café ) e materiais marrom (folhas secas, papel picado, serragem tratada) .

Polvilhe a água sobre a pilha regularmente para que ela tenha a consistência de uma esponja úmida . Não adicione muita água – caso contrário, os microorganismos na sua pilha ficarão encharcados e vão se afogar. Se isso acontecer, sua pilha vai apodrecer ao invés de virar adubo.

Verifique se sua pilha está em decomposição monitorando a temperatura. Verifique a temperatura da pilha com um termômetro ou, simplesmente, coloque sua mão dentro da pilha.

Durante a estação de crescimento , você deve fornecer a pilha oxigênio, virando os materiais om um grande garfo pelo menos uma vez por semana. A melhor hora de virar a compostagem é quando o centro da pilha está quente. Virando a pilha ajuda a cozinhar mais rápido e evita que o material se torne emaranhado e desenvolva um odor ruim.

Quando o composto já não emite calor e torna-se seco, marrom e quebradiço, está totalmente cozido e pronto para alimentar o jardim.

Bons materiais verdes: restos de frutas, vegetais, casca de ovos, borras de café e grama.

Bons materiais marrom: folhas secas, madeira e casaca de arvores finamente picadas, jornal picado, palha e serragem de madeira não tratada

Lembre de nunca colocar na sua compostagem: qualquer coisa que contenha carne, óleo, gordura ou graxa, materiais de plantas doentes, serragem ou aparas de madeira tratada com pressão, fezes de cão ou gato, ervas daninhas ou produtos lácteos.

Como fazer adubo 1

Como fazer adubo 2

Como fazer adubo 3

Como fazer adubo 4





Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *